Consumo

Consumidor deve estar atento na Semana do Brasil; confira dicas

Cerca de 4.700 empresas e entidades se mobilizaram para participar da campanha oferecendo descontos e promoções aos consumidores que, em alguns casos, podem chegar a 80%, anunciaram algumas delas

10/09/2019 11:01:46
Marcelo Casal Jr

Foi aberta na sexta-feira (6) e segue até o próximo domingo (15) a Semana do Brasil, iniciativa do governo federal para tentar atingir dois alvos com um disparo só: aquecer as vendas do comércio no mês de setembro, que normalmente apresenta fraco volume no varejo, e, de quebra, despertar o patriotismo dos brasileiros usando como mote o dia da Independência, comemorado neste mês.

A iniciativa tem como mote “Vamos valorizar o que é nosso” e é inspirada em campanhas de varejo de outros países, como os EUA, que costumam realizar promoções em feriados nacionais. A proposta pretende gerar um ambiente de maior confiança em 2019.

Cerca de 4.700 empresas e entidades se mobilizaram para participar da campanha oferecendo descontos e  promoções aos consumidores que, em alguns casos, podem chegar a 80%, anunciaram algumas delas. Segundo o Procon-SP, situações como esta exigem cautela redobrada do consumidor.

Para garantir compras “realmente vantajosas”, diz o Procon, é preciso, entre outros cuidados, estar atento às condições do produto, a prazos de troca e, principalmente, aos direitos que todos têm de devolver a compra em caso de alguma não conformidade.

ANTES DE PASSAR O CARTÃO

7 dicas para evitar uma ‘emboscada’

  • Fazer uma lista.
    Recomenda-se que o consumidor faça uma lista do produto ou serviço que precisa ou deseja e estipule um limite de gasto, evitando assim gastar mais do que o previsto. Importante também fazer uma pesquisa de preços por meio de aplicativos e sites de comparação de preços
  • Olho no prazo.
    Observar o prazo de entrega e informar-se antecipadamente sobre a política de troca da empresa são atitudes que ajudam a evitar problemas
  • Cuidado com links.
    É bom evitar clicar em links e ofertas recebidas por e-mail ou redes sociais, fazendo sempre a consulta da página oficial da loja, de preferência digitando o endereço do site
  • Checar preço final.
    Nas compras feitas em sites, após escolher o produto ou serviço, o consumidor deve verificar se o preço será alterado no carrinho virtual ou se o valor do frete é muito mais alto que o habitual
  • Quero devolver.
    De acordo com o Código de Defesa do Consumidor, em compras feitas fora do estabelecimento, o consumidor tem sete dias para “se arrepender”, cancelar a compra, devolver o produto e pedir o dinheiro de volta
  • Tem juros?
    Os produtos expostos nas vitrines devem apresentar o preço à vista e, se vendidos a prazo, o total a prazo, as taxas de juros mensal e anual, bem como o valor e número das parcelas
  • Fala português?
    Qualquer produto, nacional ou importado, deve apresentar informações corretas, claras e em língua portuguesa sobre suas características: composição, origem, além dos riscos que possam apresentar à saúde e segurança.

Redação
Fonte: Metro Jornal



Outras Notícias Relacionadas